|  

PROFIBUS DP Wireless - Princípio do sistema Smart Radio

Desafios
Os benefícios econômicos e operacionais dessas aplicações dependem do equilíbrio entre os requisitos de disponibilidade, confiabilidade e segurança na operação diária. Nos casos específicos de movimentação de cargas (guindastes, pontes rolantes, shiploaders etc.), é preciso atender a normas rígidas de segurança, um desafio para a tecnologia de acionamento e controle e, mais particularmente, para as redes de comunicação de dados wireless. 

Em princípio, não é possível evitar totalmente as fontes de interferência em sistemas complexos de links de rádio; no entanto, é possível impedir a influência dessas perturbações nos sistemas de controle e, consequentemente, na disponibilidade das plantas. São duas as principais medidas que ajudam a atingir esse objetivo:

1) O projeto do link de rádio e, especialmente, a escolha da tecnologia Wireless, têm que ser adequados para a aplicação, isto é, levando em consideração todas as possíveis influências ambientais;

2) Os módulos de rádio utilizados devem ter a inteligência para detectar, interpretar e prevenir a tempo a interferência de rádio, a fim de evitar o seu efeito sobre a comunicação entre o controlador e os dispositivos. Os módulos de rádio devem, portanto, executar as funções de processamento e de filtro inteligente entre o controlador e os elementos remotos instalados na outra extremidade do link de rádio.

Obviamente, essas funções são particularmente importantes quando se usa links de rádio em sistemas de intertravamento de segurança.

A tecnologia para conexão wireless segura para uso em redes PROFIBUS DP foi desenvolvida há muitos anos pela empresa Schildknecht AG e é totalmente compatível com o protocolo PROFIsafe. Essa tecnologia está presente em todos os rádios DATAEAGLE por meio de hardware e firmware, sendo este último dotado de um bloco de função (Function Block – FB) específico e patenteado pela Schildknecht. 


Conexão via cabo
Princípio de funcionamento
 

Smart Radio


Conexão através de cabo convencional
Em máquinas e equipamentos, a comunicação entre PLC, sensores e atuadores, é realizada por meio de redes padronizadas, como PROFIBUS DP, PROFINET IO ou CAN. Pacotes de dados (telegramas) são trocados entre o PLC e os Módulos de E/S. Tipicamente, a cada milissegundo, telegramas de dados trafegam por essas redes.


Quantos metros de cabo?
Na maioria das vezes, há mais de um módulo de E/S conectado ao CLP na máquina. Além disso, os cabos são submetidos a grandes esforços mecânicos e desgaste em máquinas e equipamentos com partes móveis, podendo, em certos casos, até mesmo impossibilitar o seu uso.


Link de Rádio
Princípio da Transmissão de Dados
 
Smart Radio


Tempo de resposta via Rádio – dentro da tolerância
A transmissão de dados via redes wireless pode ser feita através dos padrões WLAN ou Bluetooth. O tradicional cabo de rede é substituído por dois módulos de rádio.
Para que a rede PROFIBUS DP opere normalmente e sem falhas, é preciso que o tempo de resposta predefinido (normalmente entre 16 ms e 128 ms) seja mantido.


Tempo de resposta via Rádio – acima da tolerância
Se o tempo de resposta for excedido – por exemplo, em decorrência de uma interferência eletromagnética externa – os pacotes de dados serão perdidos e o PLC e o Módulo de E/S irão para a condição bus error. O resultado disso são paradas da máquina ou do processo e, consequentemente, prejuízos para os usuários.


Redes Wireless com rádios convencionais
Rádios sem pré-processamento inteligente dos dados.
 
Smart Radio


Transmissão de pacotes de dados básica
Os sistemas de rádio convencionais transmitem os pacotes de dados sem analisar o seu conteúdo. A consequência é que todo pacote de dados deve ser transmitido. Isso leva facilmente à sobrecarga do link de rádio.


Pré-processamento inteligente de pacotes de dados
Pacotes de dados perdidos, incompletos ou atrasados, resultantes de algum tipo de interferência, levam a rede para condição de erro e provocam a parada da máquina.
O PLC enviará novos pacotes de dados a cada 16 - 128 ms para os módulos de I/O.


Redes Wireless com pré-processamento inteligente
Smart Radio
 
Smart Radio


Transmissão de dados com sistema Smart Radio
O sistema Smart Radio DATAEAGLE realiza um pré-processamento dos dados no próprio rádio. Os algoritmos patenteados verificam o conteúdo dos dados, o time stamp e a redundância e analisam os dados em pequenos blocos de informação e, se necessário, são armazenados temporariamente na memória. A porta PROFIBUS DP e o módulo de RF (rádio frequência) são totalmente independentes, a fim de assegurar uma operação totalmente sem erros. A cada milissegundo, um novo pacote de dados pode ser processado.


Processamento de dados no sistema Smart Radio
O objetivo do pré-processamento de dados é assegurar 100% de disponibilidade das máquinas e equipamentos. Com a tecnologia Smart Radio, telegramas perdidos ou incompletos são reconstruídos, e pacotes atrasados são substituídos e validados. Como resultado, a capacidade de comunicação em tempo real é superior àquela dos sistemas de rádio convencionais. Esta tecnologia também permite evitar falhas causadas por interferências eletromagnéticas.


Smart Wireless
Benefícios e vantagens
 
Smart Radio

Pré-Processamento e armazenamento temporário de telegramas
O objetivo do pré-processamento é ocupar o menos possível o link de rádio e desacoplar a porta do cabo PROFIBUS DP da rede wireless. Todos os telegramas PROFIBUS, ordenados de acordo com os participantes link de rádio, são armazenados temporariamente em um banco de dados e seu conteúdo e atributos são analisados. Este pré-processamento permite altas taxas de dados PROFIBUS de até 1,5 Mbps sem alterar a configuração do mestre PROFIBUS.


Configuração e monitoramento do filtro de tempo
Graças ao filtro de tempo ajustável, é possível manter normal a comunicação PROFIBUS, mesmo no caso de interferências de transmissão de curta duração.
Isso ajuda a evitar erros de barramento e, consequentemente, paradas do sistema. Falhas do link de rádio com duração mais longa, de qualquer forma, são reconhecidas e transmitidas ao PLC. Neste caso, o controle reage com se fosse um cabo defeituoso e ativa todas as funções de segurança necessárias. O tempo do filtro pode ser ajustado entre 20mseg e 20seg.


Firewall Inteligente
O mestre PROFIBUS transfere dados cíclicos (tempo de ciclo inferior a 1 ms a uma velocidade de 1,5 Mbps) para os escravos, mesmo que o conteúdo dos pacotes de dados permaneça inalterado. O algoritmo do sistema Smart Radio reconhece que os dados desses pacotes são uma mera repetição de transmissão anterior e submete-os a um filtro para reduzir o tráfego no link de rádio.

Apenas os telegramas com dados que efetivamente foram alterados são transmitidos e enviados através do link de rádio. Aqui, o tempo de atualização após o link de rádio é de cerca de 20 ms.



Últimas Notícias:
+ PI Brasil expõe na Semana INOVA Indústria
+ Jornada debate Indústria 4.0 no RS
+ PROFINET Online Academy chega ao 6º webinar
+ Nova Diretoria da PI Brasil toma posse
+ PI Brasil palestra na Semana Nacional de C&T em Cubatão
+ PI Brasil estará na Semana INOVA Indústria
+ Treinamento Engenheiro e Instalador PROFIBUS Certificado é realizado em SP
+ Escola Móvel do SENAI-SP participa da Expo ISA Vale Section Indústria 4.0 com produtos doados por associadas à PI Brasil
+ Mais uma turma conclui curso de Engenheiro e Instalador PROFIBUS Certificado no INATEL
+ PI Brasil expõe na ISA Expo Campinas 2018
+ Profissionais da GKN Driveline recebem treinamento sobre PROFINET e IO-LINK
+ Tramontina sedia workshop sobre PROFINET e IO-Link
+ Sensor Capacitivo CQF da SICK
+ Novos produtos Vivace: VMV10, VDL10 e VTT10-FP-3
+ Mercury - Analisador de redes PROFIBUS DP/PA, PROFINET e Ethernet Industrial
+ Hirschmann - Líder de Tecnologia em Redes Industriais | Novo Switch BOBCAT
+ PROFIBUS DP Wireless - Princípio do sistema Smart Radio
+ Linhas de vida para o SmartFactory
+ Desenvolvimento de um Sistema Supervisório para Rede PROFIBUS - Parte 1
+ Oito dicas para aumentar a confiabilidade da sua rede Fieldbus